Pica Pau de Banda Branca

Alma de Gato

Andorinha Pequena de Casa

Anu Branco

Anu Preto

Araçari Banana

Araçari Poca

Araponga

Ariramba de cauda ruiva

Bacurau

Barranqueiro de Olho Branco

Beija Flor Cinza

Beija Flor Preto

Beija Flor Rajado

Beija Flor Rubi

Beija Flor Tesoura

Benedito de Testa Amarela

Bico de Pimenta

Bico Virado Carijó

Bico Virado Miúdo

Borboletinha do Mato

Borralhara

Caburé

Choca Listrada

Choquinha Chumbo

Choquinha Lisa

Choquinha Pequena

Coruja Buraqueira

Coruja do Mato

Cuiú Cuiú

Entufado

Ferro Velho

Formigueiro Assobiador

Formigueiro da Serra

Galinha do Mato

Gaturamo Verdadeiro

Gavião Caboclo

Gavião Caracoleiro

Gavião Carijó

Gavião Miúdo

Gavião Pato

Gavião Pega Macaco

Gibão de Couro

Guaracava de barriga amarela

João Botina da Mata

João Porca

Juriti Pupu

Limpa Folha Miúdo

Macuru de Barriga Castanha

Mãe da Lua

Maitaca Verde

Murucututu de Barriga Amarela

Papa Moscas Estrela

Papa Taoca do Sul

Pariri

Periquito Rico

Pica Pau Amarelo

Pica Pau Bufador

Pica Pau de Banda Branca

Pica Pau de Cabeça Amarela

Pica Pau Verde Barrado

Pinto do Mato

Pitiguari

Sabiá Cica

Saí Andorinha

Saí Verde

Saíra Ferrugem

Saíra sete cores

Saíra Viúva

Sanhaçu de Encontro Amarelo

Saracura do Mato

Savacu

Socó Boi Escuro

Surucua de Peito Amarelo

Tangará

Tapaculo Pintado

Tiê de Bando

Tiê de Topete

Tiê Preto

Tiê Sangue

Tietinga

Topetinho Vermelho

Tovaca Campainha

Tovacuçu

Trepadorzinho

Trinca Ferro

Trovoada

Tucano de Bico Preto

Tucano de Bico Verde

Tuim

Urubu de Cabeça Amarela

Urubu de Cabeça Vermelha

Urubu Rei

Urutau ferrugem

Vira Folha

Viuvinha

Pica Pau de Banda Branca

Alma de Gato

Andorinha Pequena de Casa

Anu Branco

Anu Preto

Araçari Banana

Araçari Poca

Araponga

Ariramba de cauda ruiva

Bacurau

Barranqueiro de Olho Branco

Beija Flor Cinza

Beija Flor Preto

Beija Flor Rajado

Beija Flor Rubi

Beija Flor Tesoura

Benedito de Testa Amarela

Bico de Pimenta

Bico Virado Carijó

Bico Virado Miúdo

Borboletinha do Mato

Borralhara

Caburé

Choca Listrada

Choquinha Chumbo

Choquinha Lisa

Choquinha Pequena

Coruja Buraqueira

Coruja do Mato

Cuiú Cuiú

Entufado

Ferro Velho

Formigueiro Assobiador

Formigueiro da Serra

Galinha do Mato

Gaturamo Verdadeiro

Gavião Caboclo

Gavião Caracoleiro

Gavião Carijó

Gavião Miúdo

Gavião Pato

Gavião Pega Macaco

Gibão de Couro

Guaracava de barriga amarela

João Botina da Mata

João Porca

Juriti Pupu

Limpa Folha Miúdo

Macuru de Barriga Castanha

Mãe da Lua

Maitaca Verde

Murucututu de Barriga Amarela

Papa Moscas Estrela

Papa Taoca do Sul

Pariri

Periquito Rico

Pica Pau Amarelo

Pica Pau Bufador

Pica Pau de Banda Branca

Pica Pau de Cabeça Amarela

Pica Pau Verde Barrado

Pinto do Mato

Pitiguari

Sabiá Cica

Saí Andorinha

Saí Verde

Saíra Ferrugem

Saíra sete cores

Saíra Viúva

Sanhaçu de Encontro Amarelo

Saracura do Mato

Savacu

Socó Boi Escuro

Surucua de Peito Amarelo

Tangará

Tapaculo Pintado

Tiê de Bando

Tiê de Topete

Tiê Preto

Tiê Sangue

Tietinga

Topetinho Vermelho

Tovaca Campainha

Tovacuçu

Trepadorzinho

Trinca Ferro

Trovoada

Tucano de Bico Preto

Tucano de Bico Verde

Tuim

Urubu de Cabeça Amarela

Urubu de Cabeça Vermelha

Urubu Rei

Urutau ferrugem

Vira Folha

Viuvinha

Lineated Woodpecker

Dryocopus lineatus (Linnaeus, 1766)

Endêmica :

da Mata Atlântica

TAMANHO :

33 cm

Ave migratória :

Não

Mais visto :

O ano Todo

Vocalização

Play-Button-Green-W

Alimenta-se de :

Larvas

Formigas e insetos

Sementes e frutos

Wiki Aves

LOGO-WIKI

Foto: Luís da Mata

# ECO Sítio Paraty

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Habitos:

Habita o interior e as bordas de florestas altas, capoeiras, cerrados, campos e plantações com árvores esparsas. Vive solitário ou aos pares, arrancando a casca e “martelando” troncos e galhos maiores em busca de insetos, tanto em árvores vivas como mortas. Dormem sempre em ocos, onde também se abrigam da chuva pesada; alguns elaboram cavidades que servem para dormir. Recolhem-se cedo para dormir. Voz: Sequência prolongada de fortes e sonoros “wet…” ( canto territorial, ambos os sexos ); sonoro”bet-wärrr”,”gí-gogogo”, “bé-be-be-qua” ( advertência ). Tamborilar prolongado “torrrrrrrr” ( ambos os sexos ). Pela manhã, costumam demarcar seus territórios com característico tamborilar. Escolhem uma árvore ou galho oco e dão sua batida peculiar. Começam com uma pancada alta, separada das demais e vão diminuindo o intervalo e a altura da batida, produzindo uma aceleração no final.

Alimentação:

Alimentam-se de insetos, larvas, sementes e frutos. Sua alimentação é principalmente a base de insetos, especialmente brocas da madeira. Para encontrar a galeria vai dando batidas curtas na madeira até delimitar o final do túnel escavado pela larva. Nesse ponto, começa a dar fortes pancadas inclinadas, retirando lascas grandes da madeira até chegar ao canal. Retira a larva usando a longa língua, pegajosa e com cerdas na ponta, parecendo uma flecha. Procura formigas (Azteca sp.), seus ovos e pupas, perfurando galhos de embaúba (Cecropia sp.). Gosta também de frutas, como o abacate.

CARACTERÍSTICAS:

O pica-pau-de-banda-branca é uma ave piciforme da família Picidae. Também conhecido com pica-pau-de-topete-vermelho. Nome Cie
Mede cerca de 33 centímetros de comprimento, com topete e estria malar vermelhos, asas, peito superior e lados da cabeça pretos, faixa branca que se estende do bico às laterais do peito, garganta manchada, mácula escapular branca e barriga branca barrada de preto. O macho apresenta a região anterior da cabeça e uma faixa próxima ao bico de cor vermelha; a fêmea possui a região anterior da cabeça preta e não tem a faixa vermelha. Na subespécie Dryocopus lineatus erythrops pode faltar a mancha branca escapular.

+ Registros no Brasil

- COMENTE - PARTICIPE -

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *